TIPS & CURIOSITIES

ROTEIROS DE VIAGEM PARA MARROCOS – VIAGENS EM MARROCOS

Algumas Dicas e Curiosidades Sobre o Marrocos

Passear pelo Marrocos é presenciar uma infinidade de coisas interessantes e maravilhar-se com uma cultura enriquecedora. Sua localização privilegiada abrigou diversos povos e culturas que deixaram marcas e influências até hoje. Para todos os lados o Marrocos rende belas paisagens que atraem muitas visitações de turistas durante o ano inteiro.

Vem descobrir comigo curiosidades sobre o Marrocos que encontramos neste lado do continente africano, confira.

VIAGENS NO MARROCOS:

VIAGENS NO MARROCOS:

O Marrocos está situado no Norte da África, a sua cultura local é composta pela religião muçulmana, europeia, berbere e árabe.

Nome oficial: Reino de Marrocos
População: 36,664,173 habitantes (2019)
Tamanho (área): 710,850 km²
Capital: Rabat
Política: Monarquia constitucional
Chefe de Estado: Rei Mohammed VI
Maior cidade: Casablanca (5,500,000 habitantes)
Moeda: Dirham marroquino
Fuso horário: UTC +0 e no Verão EST UTC +1
Código de telefone: +212

Passaporte & Visto

Passaporte & Visto

Documentação necessária:

Para viajar para o Marrocos é necessário um passaporte válido de mínimo 6 meses. Os europeus e brasileiros não precisam de visto. A estadia máxima legal é de 90 dias a partir da entrada em Marrocos.

MOEDA & COMPRAS

MOEDA & COMPRAS

A moeda local é a dirham marroquino, mas as zonas turísticas aceitam bem o dólar e euro. Há diversas casas de câmbio pelo país onde é possível converter moeda estrangeira pela moeda local. Recomenda-se aos viajantes brasileiros que convertam o real em euro ou dirham ainda no Brasil, pois no Marrocos não há como trocar o real. ( 1 euro equivale a 10 dirhams)

Pechinchar é obrigatório! Não existem preços fixos nos produtos vendidos nos souks, e o mix de produtos é bastante variado.

RELIGIÃO MARROQUINA

RELIGIÃO MARROQUINA

Marrocos é um dos países em que a religião caminha como base de tudo. Menos de 2% da população é cristã ou judia, os 98% restante seguem o Islão, uma religião que tem como significado a “rendição, submissão, obediência, sinceridade e paz ”. 

Islamismo é monoteísta e tem cinco pilares principais:

1- Crer em um Deus e no profeta Muhammad como seu mensageiro. 

2- Orar 5 vezes por dia.

3- Pagar a (Zakat), em forma de caridade, dada diretamente aos necessitados.

4- Jejum no mês de Ramadan.

5- Realizar peregrinação (Hajj) a Meca, obrigatório uma vez na vida, se a pessoa tiver boa saúde e os meios financeiros. 

A religião é muito honrada e respeitada em Marrocos, inclusive o Ramadan é um jejum feito no nono mês do calendário lunar islâmico, considerado o mês mais importante. 

Um quarto da população mundial faz esse jejum, que dura cerca de 4 semanas, ele se inicia todos os dias com o nascer do sol, e finaliza no pôr-do-sol. 

O significado do jejum para eles, vem da palavra “sawm ” que nada mais é do que “ abster-se ”, e não apenas de comida e bebida, e sim de todas as más formas de pensamentos, palavras e ações. 

É um mês para uma maior reflexão espiritual, rezas, humildade, boas ações, disciplina, caridade, generosidade, e se estabelecer uma maior conexão com Deus, se fortalecendo interiormente, criando um maior auto-controle, e assim reeducar o corpo e, a mente para um maior equilíbrio, se desprendendo das vontades e desejos mundanos.

Esse período do ano para eles é levado tão a sério que até mesmo os restaurantes fecham durante o almoço e só abrem novamente a noite. Inclusive é considerado falta de respeito comer, beber ou fumar nas ruas esses 30 dias.

IDIOMA

IDIOMA

No Marrocos o primeiro idioma é o árabe, a segunda língua é o francês. O berber também é considerada língua oficial. No norte do país é comum a difusão do espanhol. Em quase todos os lugares se fala o ingles basico e o famoso portunhol.

BEBIDAS ALCOOLICAS

BEBIDAS ALCOOLICAS

Apesar do consumo de bebidas alcoólicas ser proibido para os muçulmanos, os marroquinos são grandes produtores de vinhos e cervejas. Quase toda a produção é destinada para exportação ou para locais bastante frequentados por estrangeiros, como hotéis.

Apesar do país ser um grande produtor de vinhos, é bem difícil consumir álcool por lá. Não é fácil encontrar opções e elas são bem caras. A venda sem restrição só é permitida a turistas, e, ainda assim, é proibido andar com bebidas na rua mostrando a embalagem. Além disso, os estabelecimentos autorizados param de vender após as 19 horas.

CLIMA NO MARROCOS:

CLIMA NO MARROCOS:

Clima No Marrocos

O clima no Marrocos varia conforme a região e a estação do ano. No geral diria que a melhor época é entre março e maio e entre Setembro e novembro. Evite o verão, particularmente Julho e Agosto. Pra quem gosta de climas mais frios de Dezembro à Fevereiro.

Tudo isso você pode conhecer pessoalmente através dos nossos Roteiros Em Marrocos.

Melhor Epoca Para Viajar No Marrocos

primavera (março a maio) é provavelmente a melhor época do ano em todo o país. As árvores estão floridas, os Atlas ainda estão com neve, as paisagens estão exuberantes e o calor ainda não está muito forte. Nesta estação, a temperatura fica na média dos 22°C à 24°C.

Não importa se você viajará para a região do deserto, evite o verão. Mesmo as cidades longe do deserto atingem temperaturas muito elevadas durante os meses de verão – junho a agosto. No entanto, se sua intenção é explorar as montanhas dos Atlas, o verão pode ser o momento ideal, já que a temperatura é mais baixa devido à altitude.No outono (setembro a novembro), a temperatura nas cidades do interior e sul tornam-se suportáveis. Pode ser uma boa época para quem quer visitar o Deserto do Saara.De forma geral, o inverno (dezembro a fevereiro) é muito leve durante o dia no sul, cidades costeiras e cidades do interior. A temperatura fica na média dos 20°C. Mas tenha atenção em relação às diferenças térmicas entre o dia e a noite. Mesmo com temperaturas confortáveis durante os dias, as noites são muito geladas.

CULINARIA

CULINARIA

Diversidade, cor e sabor – são três características da culinária marroquina. Os principais pratos são o cuscuz e o tajine. Destacam-se também o famoso chá de menta (popularmente conhecido como whisky berbere), o amlou (pasta de amêndoas, mel e argan), omelete maticha (omelete com alguns legumes) e harira (sopa marroquina).

Há também uma grande variedade de frutas e legumes mediterrâneos e até mesmo alguns mais tropicais. As carnes mais comuns incluem carne bovina, de carneiro e de cordeiro, frango, camelo, coelho e frutos do mar, que servem como base para sua culinária.

GASTRONOMIA MARROQUINA

GASTRONOMIA MARROQUINA

Na parte gastronômica, a base de tudo é o tempero, principalmente  a pimenta do reino, o açafrão, o gengibre, a canela, e o cominho, que agregam sabor á pratos como o cuscuz ou o tajine.  Assim como a utilização do mel, que é bem forte, e o tradicional chá de hortelã, que você pode encontrar em qualquer canto marroquino.

Mas, o diferencial mesmo fica por conta do hábito de comer com a mão direita, ou com o auxílio de um pão. A mão esquerda se limita ao uso higiênico. E para eles, isso é uma das únicas coisas que realmente não se misturam. 

TRANSPORTE NO MARROCOS:

TRANSPORTE NO MARROCOS:

Os transportes mais comuns são: Trem (comboio), ônibus, (autocarro), táxis partilhados e vans. Cada um tem um roteiro e vai a determinado lugar.

O trem é a forma mais confortável de viajar pelo Marrocos. O trem limita-se nas grandes cidades como Casablanca, Tânger e Marraquexe. Os bilhetes de 1ª classe garantem um passeio repleto de conforto. Já o ônibus, é o meio de transporte que conecta uma ponta do país a outra – é possível viajar para todo lugar assim.

No caso do táxi partilhado, eles ligam cidades próximas em um perímetro de 500 km e pode ser dividido por até 6 passageiros – os mais antigos são Mercedes, Fiat e Dacias. Quando o destino é uma pequena aldeia do deserto ou montanhas – opte pela carrinha compartilhada, elas levam 15 pessoas e mercadorias grandes.

A melhor maneira de decidir qual meio de transporte no Marrocos usar é planejar seu roteiro de viagem com todo os lugares e pontos turísticos que você deseja conhecer, e assim escolher o meio que o levará até cada um deles.

Cada tipo de transporte tem um valor, um local para embarque e informações sobre rotas e horários. Não se esqueça de sempre ter dinheiro em mãos porque alguns como táxi preferem o pagamento à vista e sem o incomodo de dar troco.

COSTUMES DE MARROCOS

COSTUMES DE MARROCOS

Dentre seus costumes, o respeito com os idosos é algo realmente importante em ser levado a sério, como a palavra de uma mãe, que é considerada sagrada e que deve ser escutada. 

Para eles, entrar na casa uns dos outros sem tirar os sapatos, é considerado falta de educação. Assim como ao visitar o país, usar determinados tipos de roupa, como mini saias, decotes, vestidos curtos, ou para os homens, andar sem camiseta, é visto como forma de desrespeito. 

Os marroquinos são conhecidos também pela sua arte de viver, que se inicia em seus próprios trajes, com cores e movimentos diferentes, cada um se tornando um destaque único. 

Além disso, as suas celebrações e festividades religiosas são bem populares, como a “Moussem Tan-Tan”, que foi classificado como Património Cultural Imaterial da Humanidade, desde 2008.

As suas cidades são cercadas por uma arquitetura única e secular, de grande influência islâmica, em suas formas geométricas, escritas, cores e formatos diferentes.  

Beleza também presente nos campos com muralhas romanas, sendo inclusive  o “Volubilis” , um dos mais lindos sítios arqueológicos do mundo.

SAÚDE / VACINA

SAÚDE / VACINA

Não há vacinas específicas para entrar em Marrocos. É recomendável apenas ter uma vacina do tétano recente. Dependendo dos lugares onde pretende comer, talvez deva tomar uma vacina para a Hepatite A. Evite frutas e vegetais não cozidos, que não pode descascar. Alguns viajantes tiveram também problemas com certos condimentos usados em restaurantes de comida rápida. Quanto à água, é aconselhável beber a engarrafada. Não esqueça também de tomar as precauções básicas contra a malária (roupa clara, repelente de insetos, etc).

GEOGRAFIA

GEOGRAFIA

Marrocos fica no norte da África, limitado a norte pelo Estreito de Gibraltar (por onde faz fronteira com a Espanha), por Ceuta, pelo Mar Mediterrâneo, a leste e a sul pela Argélia, a sul pelo Saara Ocidental e a oeste pelo Oceano Atlântico e à noroeste tem como vizinho próximo Portugal. 

TOMADAS

TOMADAS

A corrente eléctrica em Marrocos é de 220V 50Hz e as tomadas são do tipo C e E, ambas de dois pinos redondos (estilo europeu).

CULTURA MARROQUINA

CULTURA MARROQUINA

Localizado no extremo noroeste da África, o Marrocos é sem dúvida um dos países mais misteriosos e exóticos para visitar no mundo. Com tradições milenares e cenários que parecem ter saído de um filme bíblico, o país é cheio de contrastes e oferece inúmeras opções de cidades onde é possível desbravar um verdadeiro turismo autêntico. 

Graças à proximidade com a Europa, muitos viajantes escolhem o Marrocos como um país extra para visitar em um roteiro integrado que conecta os dois continentes. O valor acessível para voos partindo da Europa – ou fazendo o caminho inverso -, é um incentivo a mais para quem sonha em conhecer as cidades imperiais marroquinas, dormir uma noite no Deserto do Saara ou aproveitar outras inúmeras surpresas encontradas no país.

Marrocos é um país culturalmente diversificado, que carrega em suas terras histórias de muitas civilizações. E sem negar as suas raízes africanas, com predominância árabe, ele também se abriu para receber as influências europeias. 

Viagens ao Marrocos, viagens no Marrocos, excursões Marrocos,excursões Marrakech, turismo no Marrocos, passeios e visitas guiadas no Marrocos, dicas de viagens para Marrocos, pacotes de viagens para Marrocos, passeio de camelo no deserto do Marrocos, deserto do saara no Marrocos,  Pacotes Para Marrocos, Pacotes De Viagens Para Marrocos, Guia de viagens Marrocos, Guias e Agências de viagem em Marrocos, Casablanca , Marrakech, Fez, Cidade Azul,Tanger Marrocos, Guia Turístico que fale Português no Marrocos, hospedagens em Marrocos, hotéis em Marrocos.